Carta a Nunes Alferes ou Para ser Lida Amanhã

projeto comunitário

teatro

SETEMBRO

2017

Este foi o primeiro projeto de índole artístico e comunitário desenvolvido pela Promob. Aconteceu pouco tempo depois do brutal encerramento do Colégio de Frei Gil, instituição tão importante no panorama educativo e social da nossa comunidade, e serviu como reflexão conjunta dessa mesma comunidade relativamente a esse assunto.

A Promob, sob a direção de Ricardo Regalado, reuniu a população, alunos, ex-alunos, pais, professores daquela escola para juntos reivindicarem a história que não podia ser esquecida, tanto da própria instituição como do Homem que foi o seu fundador. O dominicano Frei Gil Alferes, de nome próprio Manuel de Nunes Alferes, foi um importantíssimo benemérito da Bairrada, havendo ali criado a primeira instituição de ensino e acolhimento de crianças desfavorecidas, em meados do século passado,

O descontentamento da população relativamente ao encerramento da escola teve voz, pela Promob, nesta peça de teatro. Durante cerca de três meses os populares juntaram-se e num espírito de luta coletiva desenvolveram, a partir do texto do Ricardo, um espetáculo reivindicativo muito profundo. 

Os quase 20 participantes, foram preciosos criadores e dinamizadores culturais, cumprindo ali e através da arte o seu papel de cidadãos ativos e preocupados, atribuindo ao teatro a sua função de promotor de liberdade e de voz.

O espetáculo viria a ser apresentado no dia 15 de Setembro de 2017, no salão Paroquial de Bustos, com uma audiência de 300 pessoas.

A Promob assumiu toda o investimento e organização do projeto, contando com o apoio de outras instituições e associações (fábrica da Igreja de Bustos, Orfeão de Bustos) e de sobremaneira com o apoio da população. 

Esta Produção teve o apoio das seguintes instituições:

| Orfeão de Bustos

| União Filarmónica do Troviscal 

| Fábrica da Paróquia de Bustos

15 de setembro

2017

Centro Paroquial de Bustos

 

Participantes

Martim, Gonçalo,Gabriel, Rodrigo, Guilherme, Bárbara, Lara, Marinela, Maricil, Noémia, Luís, Anotónio, Dorinda, Ainda, Ditosa, Sara, Adriana, Mariana, Tatiana, Clara, Valdir, Tomás, Eduarda e Ricardo